sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Epifania - Parte 2 de 3


Dia 2

Na verdade, antes que a gente conseguisse dormir, a Liliane foi nos encontrar no hotel e explicou beeeeem direitinho como e quanto seria a viagem para Machu Picchu. E foi o seguinte: 255 dólares pela viagem de ônibus até a estação de trem, que, com 4 horinhas de viagem chegaríamos até Águas Calientes onde pegaríamos um ônibus para mais umas meia hora de viagem até Machu Picchu, Quase esqueço de dizer que o ônibus iria nos buscar no hotel às 03:30/04:00 da madruga boladona. Mas esta parte seria apenas no sábado, o dia 2 foi numa sexta, e neste dia nós encomendamos, no dia anterior, com a recepcionista do hotel um pacote para conhecermos alguns sítios arqueológicos. Foi barato, custou uns 40 dólores, o que incluía a van e o guia que nos levaria e explicaria tudo em espanhol e inglês, pois estávamos mesclados. Para isso tivemos que comprar um ticket para poder entrar nesses sítios e o que acontece é o seguinte. São várias atrações que se podem querer visitar. Se você for visitar todas, em mais de um dia de excursão, é melhor comprar o tícket geral, que custa 130 sólis e você visita logo tudo. Se for para apenas um dia, como eu fui - o Machu Picchu não se encaixa aqui com este tícket, é uma visita separada e mais cara, como citei acima. O parcial custa 70 sólis. E é só sólis mesmo, porque Indiana e eu fomos, com nossa cara de cocô, comprar com dólar e a mujer lá quase nos engole ;). Sorte que tínhamos alguns guardados, isso porque, para entrar em Qorikancha, que é o museu que a gente visita antes de ir para os sítios, você paga 10 sólis. 

Percebemos que deveríamos ter trocado nosso dinheiro, em São Paulo, logo para sólis, mas isto não foi algo que nos desse tanta dor de cabeça. Lá em Cuzco existem vários locais para cambiar o dinheiro. Mas é bom saber a cotação que eles estão fazendo. Tinha lugar que o dólar valia 2,90 sólis. Outros lugares vale menos. Teve uma hora que eu fiquei muito rycccooooooooooooo!!! (Mas quando voltei para o Brasil o Sólis tava valendo uma merreca por causa de uns juros aqui, aí fiquei muito pobre de novo... ¬.¬)



Então pela noite, quando chegamos da excursão muito massa, fomos conhecer mais da cidade. Fomas para tão aclamada Plaza de Armas, que realmente muito me cativou. Ela fica em um local bem movimentado, menos no domingo, pelo menos no domingo que eu fui ver, mas hoje ela estava movimentada de boa nas lagoas. Tem um monte de lugar pra ir, de cafés à boates. Tudo baratinho. Na boate, pra quem bebe, dá pra encher a cara barato e ainda no estrangeiro, é nóiz mano Hu3 Br! Quanto ao que aconteceu nas festas baratas e nos estrangeiro e falando aquele espanhol arrastado eu só tenho isso a dizer:

AAAaaahahahahaha!!! Brincadeira, galero!!! É que eu não lembro mesmo ¬..¬ E no outro dia eu tive que me acordar 03:30 da madruga boladona, como Liliane nos aconselhou, para ir pra Machu Picchu ^_^ A gente se vê no dia 3 (quando tive o momento de epifania e tudo começou a fazer sentido *_*), Hasta Luegooooo!!

Nenhum comentário: