domingo, 28 de dezembro de 2008

É Fim de Ano [Mais uma vez] & Pensando Assim ²

É Fim de Ano [Mais uma vez]



"Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,

foi um indivíduo genial.
Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão.
Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez, com outro número e outra vontade de acreditar que daqui pra diante vai ser diferente."


Carlos Drummond de Andrade

Creio que tudo o que eu queria falar sobre o fim de ano está resumido aí. Realmente tudo está aí.


Pensando Assim²




Bom... Pensando agora no que se passou neste ano... Percebi que muitas pessoas estão virando idiotas em várias modalidades, principalmente no orkut, que está acabando com a língua portuguesa a transformando em uma coisa bizarra que não sei que nome dar [estou me referindo a pessoas que escrevem axim ou ashim de shato ou kalker koiça... Chega a dar uma pontada na cabeça]. Outra coisa é que as pessoas estão mais egoístas que ano passado [e eu estou no meio, claro!]. Os pobres estão mais espertos, pois alguns usam dessa condição para roubar, o que é ruim, porque os que realmente são e não usam de má fé também sofrem os danos (...). O sexo, percebi veementemente, está se tornando modalidade esportiva e comércial [que ingenuidade a minha...]. Vi muitas pessoas falnando em sexo doentio abertamente com amigos, principalmente homens, pois hoje, se homem não falar de sexo selvagem ele é visto torto [entenderam??]. E o pior disso tudo!! Uma revista brasileira que vem com contos eróticos, fotos explícitas [bem explícitas] de modelos do pornô brasileiro e ainda uma linda parte de classificados onde os fieis leitores mandam suas belíssimas fotos para tentar encontrar uma boa foda em qualquer parte do Brasil. Donas de casa com os peitos de fora dizendo que dão porque gostam, homens com os caralhos de fora tentando encontrar uma ou várias xoxotas e bundas ou até outros caralhos para se deleitarem com sexo imoral e outras coisas mais bizarras ainda como zoofilia... Éé, o mundo está seguindo adiante e bem depressa, até eu que achava que tinha uma mente liberal para certas coisas...

Como venho dizendo durante o correr do ano: O que é Normal? Eu não sei e já desisti de procurar saber o que é... Como o mundo desse jeito, como que eu, como minha cabecinha ingênua terei a certeza de que um belo dia eu não vou mais suportar tantas atrocidades? A consciência coletiva esta passando dados como sempre fez, mas os dados que estão sendo passados parecem retrógrados [Ou a evolução é erealmente isto que está acontecendo com o mundo? Com a nossa mente? Com a nossa família?]. Eu mesmo estou cada vez mais frio com relação à nossa própria raça humana, não confio mais em ninguém e me sinto melhor sozinho [a maioria das vezes], lendo um livro pra ver se me distancio de tanta barbaridade. E são livros de Terror ou Filosofia ou Ficção, mas nada que fale da verdade, pois desta eu já estou cheio de ver todos os dias...

Só para frizar, esta postagem é a de número 100 e eu gosto muito de escrever aqui, pois como disse ao lado: É uma boa Terapia!

Feliz ano novo? Vamos fazer o melhor que podemos sem ter que esperar uma data para pensar nisso... Mas enquanto a sociedade prega isso, vamos atravessar esse portal de mãos dadas para que ninguém mais se perca pelo caminho. E a pesar de tudo, a vida ainda pode ser muito feliz!

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

É Natal & Pensando assim...

Dando um tempo na "Série - Quem é Você?", passo aqui mais uma postagem dupla, na qual você, caro leitor, terá duas postagens para se banquetear e, ao final, escolherá uma para comentar (ou comente nas duas).

É NATAL!!!



Mais uma data bem interessante para se comemorar. Mas o que você comemora no Natal? Um presente que ganha? Alguma coisa relacionada com religião?
Apenas sei que esse mês fica diferente, fica no ar algo de fraternal, de bondade, de angelical (¬¬). Talvez seja só por uma insistência social ou porque o mundo precisa de um mês para que as pessoas pensem de maneira um pouco menos egoísta.
As virtudes do mundo estão desaparecendo ou estão dando lugar a outras características para o ser humano? Mais ou menos assim: Será que, para a seleção natural humana, o egoísmo, o racismo, o vandalismo e o egocentrismo (assim como os outros ismos) estão se tornando características para a sobrevivência? Espero que não...
Ééé... É bom escolher o que comemorar no Natal.


PENSANDO ASSIM...




Pensei: "Eu ia comprar algo na cantina, mas não fui... O que será que poderia ter acontecido se eu tivesse ido?
Ultimamente isso tem me tomado o tempo... Não é questão de passar o tempo pensando no passado, definitivamente não é! (Ou é?) A questão é a seguinte: Quando temos que escolher um caminho na vida nós temos várias alternativas, milhares delas, mas quando escolhemos uma, as outras serão apagadas! Mais ou menos assim: Você anda por um caminho e em determinado ponto você encontra vários caminhos diferentes e só pode escolher um para seguir adiante, não podendo voltar depois para escolher outro (se voltar perde o jogo e dá game over). Então você passa por aventuras incríveis, mata dragões, aprende novos poderes, passa de nível, ganha e perde companheiros, ri, chora, ri, escolhe se vai ser o herói ou o vilão (às vezes não se escolhe, isso já é imposto) e no final da estrada você pergunta o que teria acontecido se escolhesse outro das centenas de milhares de caminhos... Ei! É você mesmo! Isso é muito louco! Pense direitinho nisso e tente não ficar um pouco confuso... Se você sentir um turbilhão de pensamentos bem no fundo da cuca querendo sair da sua cabeça, então pare. Pare meu amigo, minha amiga, porque daí para a loucura é uma linha imaginária bem fininha, mas bem finiiiiiiinnhhhhhaaaaaaa... Acho melhor eu para por aqui...