sábado, 29 de dezembro de 2007

É fim de ano! E o que importa?

Geralmente para mim não importa nada. Um dia normal como outro qualquer. Acho que o ano começa realmente no dia do seu aniversário, que é quando se passa mais um ano de vida (...)! Mas o ano novo deve acontecer assim para que todos possam fazer uma reflexão em conjunto do que passaram num determinado intervalo de tempo (365 dias). Pois bem... Que seja.

Talvez estejam certos. Talvez realmente seja preciso esse momento, que começa bem antes da meia noite do dia 31 de Dezembro. O que você fez no ano contribuiu para o seu crescimento pessoal, profissional ou espiritual? Bem... o crescimento pessoal deve ser o mais importante não é? O profissional é o necessário. E o espiritual é a base, para alguns, outros parecem viver muito bem sem contribuição.

Quantos livros você leu? Quantos filmes assistiu? Quantas pessoas conheceu? Quantas igrejas frequentou? Quantas pessoas magoou? Você tornou-se mais sentimental ou mais frio? São coisas que contribuem para a nossa personalidade, ou melhor, mostram nossa personalidade para quem for um bom observador. A vida é um jogo... Às vezes... E é preciso jogar conforme as regras... Mas para um bom jogador as regras foram feitas para serem quebradas!








Li um monte de livros que talvez tenham contribuido inconscientemente para o meu crescimento pessoal: Stephen King, C.S.Lewis, Paulo Coelho, etc. Assisti muitos filmes, o melhor, sem dúvida foi o que vi mais recentemente: The Hostel Part II (O Albergue II), esse vai contribuir para o meu crescimento psicótico. Conheci muitas pessoas, e dessa vez acertei na maioria, ainda bem. Não fui a nenhuma igreja nova este ano e ano que vem já vou escolher o lado espiritual que quero seguir. Não sei se magoei muitas pessoas... Espero que não. Se eu me tornei mais sentimental... Acho que não. Se eu me tornei mais frio... Talvez.



É... É reflexão. Cada um com sua loucura para não ser normal, porque hoje em dia ser normal é ser louco. Qual o desejo para o novo ano? A Paz mundial? Isso poderiam pedir há alguns anos atrás, hoje acho mais fácil pedirem um milhão de reais! AêêêÊ! Quem quer dinheirôôôô? Ou então para participar do BIG BROTHER BRASIL, vamos dar uma espiadinha?

O que Eu, Jasper e Cícera esperamos para o novo ano é... humm... É... Achamos melhor que ele venha e pronto. Lá, depois da barreira que separa este ano do outro nós vemos como vai ser... Apertem os sintos, segurem-se uns nos outros e se preparem para a passagem! Ela vai ser do balacobaco! hehehehhe!!! Nos vemos lá!

segunda-feira, 24 de dezembro de 2007

É Natal!!! Hohoho!!!

(Depois de um tempinho sem escrever... Aqui estou eu novamente!!)

Já é Natal!! Tempo de reflexão! E este ano realmente levei isso ao pé da letra. Refleti bastante!

Fiz coisas que pensava que não podia fazer. Conheci pessoas que não imaginava existir. Escrevi coisas que não sabia ser capaz (...) :D. Desisti de cursos e fiz outros. Fiz uma Tattoo \o/. Tomei desições difíceis. Estou aprendendo o que é ser amigo e ter amigos. Aprendi o que é ser um líder, coisa que eu nunca quis. Percebi que a diferença, nas pessoas, faz parte do mundo e que o mesmo seria muito chato com pessoas iguais. A confusão na minha cabeça continua, mas estou a direcionando para um caminho que não me leva mais para a auto-destruição! hehehe!! ( Que bom pra mim...!!!). Vi que amizades virtuais também são amizades e que o orkut não serve só para receber vírus ¬¬.... E tantas outras coisas mais. Ahhh! E percebi também que o pessimismo que eu tinha está mais calmo e que às vezes, se não sempre, é bom ser otimista, coisa que serei no novo ano. (Mais isto é coisa para outro post!!)

Então quero desejar para todos um feliz natal!!! E que nesta data especial possamos refletir e tentar ser cada vez melhores, tanto para nós mesmos quanto para os que nos cercam e fazem parte de nossas vidas! São meus votos sinceros!


HOHOHO!!! FELIZ NATAL PARA TODOS!!!!



sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

Coisas que estou aprendendo nessa temporada...

Bom... Tem momentos na vida que você olha para trás e percebe que o tempo está passando. Você vê as coisas passando reflete no que aprendeu nesse tempinho que não volta mais. Quero listar algumas coisas que venho aprendendo e algumas que venho com mais dúvidas ainda...:




RESPONSABILIDADE, A DAMA EDUCADORA:

Uma coisa que eu nunca pensei que quisesse ter. Mas chega um momento na vida de um Homem que tem que se ter responsabilidade. Ela ajuda a você poder seguir um rumo sozinho, sem precisar de alguém sempre que você cai. Ensina a levantar sem chorar e a viver nesse mundo cínico sendo cínico também ¬¬ (EEUUU? Cínico??... É! Parabéns!!). É difícil no começo ter responsabilidade com as coisas, principalmente se você é uma pessoa patética que não dá valor para as coisas alheias e só se preocupa consigo mesmo... Mas a DAMA ensina pelo caminho mais árduo... Também, depois que você aprende a ser responsável, haha, só um meteoro pra tirar você da linha! E o melhor! Isso aborrece os inimigos (Infelizmente todos temos inimigos... E felizmente eu sei como infernizá-los huhuhuhu).






SENTIMENTOS, OS DIABINHOS PESTILENTOS:

BOM... Que eu tenho sentimentos e os sinto eu sei... Só não sei distinguí-los direito. O AMOR e o ÓDIO andam de mão dadas (Na minha humilde concepção). O sentimento de amizade me foge de vez em quando e eu fico paranóico. Ou acredito em todo mundo ou não acredito em ninguém. Eu acreditava em todo mundo, mas a RESPONSABILIDADE abriu meus olhos e meus ouvidos. ÓDIO... Eu falei muito em Ódio ultimamente, mas vou tentar mudar agora. AMOR... Tenho falado muito pouco em Amor... E acho que vou continuar falar pouco nisso ¬¬ (No fundo eu queria falar mais sobre isso, mas não sei com quem nesse mundinho sujo... Apenas com Jasper e Cícera). Nessa temporada eu pensei mais nesses sentimentos... Eles vêm quando você menos espera e tentam te atacar, mas é só saber controlá-los... o que é bem difícil...




ESPIRITUALIDADE, (Não sei qual denominação usar...):


É... Aqui está um ponto difícil de se falar... Não sei como começar... Pronto! Busquei muito saber sobre isso tanto em igrejas, centros, etc. como em livrose sabem a qual conclusão eu cheguei? Que devemos respeitar a religião dos outros. Que não devemos nos deixar influenciar pelos outros. Que no fundo cada um sabe no que deve acreditar. E se for em algo que não machuque o próximo não há mal algum.



EU MESMO, METAMORFOSE AMBULANTE:
Pois pois... Quanto mais tento me conhecer mais fico confuso, então decidi não tentar mais. Percebo que olho mais para frente que para trás e que se eu quiser eu posso voar e soltar raios pelas mãos, mas não faço isso porque causaria pânico na cidade... Sei também que cada dia que eu acordo eu abro os olhos de outra pessoa diferente de mim, mas com a mesma essência... Que no meu subconsciente ainda existe uma esperança gigante para todos os problemas do mundo (Que ingênuo hehehe)... Mas aí sempre vem outro de mim, o mais pessimista e planta a semente da dúvida e eu me pergunto: Será que eu sou assim mesmo ou estou sendo assim agora? Será que eu vou estar pensando isso mesmo amanhã ou vou pensar que quando eu escrevi eu não estava pensando direito porque saberia que no outro dia já estaria pensando se eu deveria ter pensado como hoje... É... E a vida continua!


Espero aprender mais coisas nessa jornada caótica em direção a não sei o quê! E espero encontrar pessoas parecidas no caminho, porque de gente certinha eu já não aguento mais...¬¬

domingo, 2 de dezembro de 2007

O Piercing, a Tatuagem e o Povo Brasileiro



O Povo Brasileiro herdou não sei de onde, nem de quem a mania de julgar as pessoas pela aparência. Não bastasse isso, se o cidadão tiver piercing ou tatugem já é taxado de marginal.

Há empregos que não aceitam pessoas tatuadas ou que usem piercings... Em pleno século XXI ainda existem preconceitos mesquinhos desse tipo, fora o preconceito com os gays e lésbicas... Que país é esse? Que país é esse onde as pessoas não podem ser livres para fazer uma tatuagem com risco de não ter um emprego depois?

Muitos esquecem que os piores bandidos e criminosos usam terno e gravata e não têm nenhuma tatuagem nem piercing. Será que na hora que um cidadão vem procurando um emprego os empresários, que também pagam os impostos (ou não) pensam nisso? Acho que não.


Agora sem falar nesses hipócritas...

(E retirando as formalidades!!)

Acho que a tatuagem é uma forma de expressar sua personalidade para si mesmo. Só quem tem sabe a sensação. Do mesmo modo com o piercing... Em outro post falei de alguns sonhos meus, e um deles já realizei: Já fiz a Tatoo! E logo logo quero colocar um pircing também!! heheheh!! E pra sociedade... ¬¬ ... Não estou me importando muito com as regras... heheheh!!